Com Flu líder, Carlinhos defende: ‘O que menos vacilar levanta o caneco’

Lateral-esquerdo do Tricolor reconhece que torcida são-paulina pediu para o time entregar, mas admite nervosismo no momento do empate

A vitória por goleada por 4 a 1 sobre o São Paulo e o empate do Corinthians contra o Vitória deixou o Fluminense incrivelmente perto do título do Brasileirão. O sonho de finalmente levantar o troféu do Nacional depois de 26 anos está cada vez mais próximo da torcida tricolor. Em participação ao Arena SporTv desta segunda-feira, o lateral-esquerdo Carlinhos analisou o que falta para a definição do campeão de 2010.

– O Fluminense deu um passo muito importante para o restante do campeonato. Aquele que menos vacilar levanta o caneco – defendeu o jogador do time carioca.

O lateral reconheceu que a torcida do São Paulo pediu para seu time entregar o jogo, ou seja, dar a vitória para o Flu para prejudicar o rival Corinthians, que até então estava na ponta da tabela.

– O torcedor estava pedindo para entregar, mas, quando fizeram o empate, complicou. Deu um certo nervosismo. Depois do nosso segundo gol, sentimos um pouco mais tranquilidade. Entrei em campo já olhando aquelas faixas, fomos com o objetivo de vencer, independente do que o torcedor fez. A vitória era o que nos importava.

Para Carlinhos, o Flu tem que manter a mesma postura de jogo para superar os dois últimos adversários. O Tricolor encara o Palmeiras, que deverá jogar com reservas, por estar focado na Copa Sul-Americana, e o Guarani, muito próximo do rebaixamento.

– O campeonato está muito competitivo. Se fosse há dois anos, já teria um campeão. Os times aprenderam a jogar pontos corridos, isso dificultou mais. O Fluminense não pode pensar mais em errar, principalmente dentro de casa. Precisamos jogar da mesma forma que jogamos contra o São Paulo.

Futuro

– Não estou com pressa de sair, de ir embora. Espero fazer por merecer um lugar no Fluminense. Depois da afirmação, procurar a Seleção Brasileira e jogar na Europa, que é um sonho de todo jogador. Tenho que me afirmar aqui, pois não é a mesma coisa de jogar no Santo André, por mais que eu tenha ido bem lá.

Pontos fortes do Fluminense

– Temos o Conca, que é indiscutível. Ele fez todas as partidas, vem decidindo com gols, assistências… O que vem se falando aqui no Rio também são as laterais. O Mariano foi convocado, eu cheguei em uma fase que o Flu estava precisando de um lateral-esquerdo e acabei dando conta do recado.

– Ficaram alguns clubes para trás que poderiam estar disputando o título. Santos, Inter… O Grêmio demorou um pouco para pegar o campeonato, o São Paulo também.

Força ao Washington

– Sempre tem, ele é um cara de grupo, está trabalhando e tentando de todas as formas ajudar. Se fizesse aquele gol, apagaria esses jogos que está sem marcar. Temos que estar juntos, ajudar, até porque ele sabe fazer gol, é goleador. Ninguém desaprende de um dia para a noite.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: